domingo, 22 de junho de 2008

Reprodução das cobras.

Quanto à reprodução, as cobras podem ser: ovíparas ou vivíparas.
Nas cobras vivíparas, como na maioria das cobras, seus filhotes cobras se desenvolvem dentro da barriga da mãe, em um órgão chamado útero. As cobras ovíparas, como as aves e a maioria dos peixes, põem ovos de onde nascem os filhotes, quando completam o seu desenvolvimento. As cobras se reproduzem de ovos, isso quer dizer que elas são ovíparas. Os répteis se reproduzirem através de ovo com casca. Este precisava ser depositado na terra, a fim de proteger os embriões da ação predatória dos animais aquáticos. Isso se deu numa época em que a quantidade de inimigos no meio terrestre era nula. Esse ovo, desenvolvendo-se fora do ambiente aquático, permitiu sobrevivência de maior número de descendentes. Através das modificações do material genético, os tipos mais diferentes de répteis iam dominando o meio terrestre. A maioria dos ofídios é ovípara, mas muitas espécies venenosas são víparas, pois os ovos, a serem postos, já tem internamente um filhote completamente formado. Algumas poucas espécies são vivíparas. Os répteis produzem ovos com a casca flexível, parecida com o couro. Dentro há um saco com um líquido chamado amino que evita que os ovos percam água e deixem que oxigênio alcance o animal em formação.

3 comentários:

Crazy disse...

Oi!
Tenho uma grande dúvida???
Ano passado secamos o açude na chacará de meu pai, encontramos algumas cobras pretas... foram umas cinco... estavam bravas e matamos, mas qndo se partiu uma, saiu de dentro muitas cobrinhas...
Meu pai comentou q elas engoliam seus filhotes para proteção. Será?
Ou será que eram cobras viviparas???
Por favor, preciso de esclarecimentos, pois agora meu filho está estudando isso na escola e pediu q cobras podiam ser estas?
Obrigada, Tatiana

kelsom gomes disse...

ola dt bem? eu gostaria d saber qual e o tempo da ecloçao dos ovos de uma copra?

kelsom gomes disse...
Este comentário foi removido pelo autor.